Os detalhes fazem a diferença

Você observa os detalhes da sua aplicação? Após ler o livro “A cabeça de Steve Jobs” escrito por Leander Kahney, comecei a prestar mais atenção em pequenos detalhes, principalmente em sites e portais corporativos.
O primeiro “pequeno detalhe” que me chamou atenção, e como são tratadas as urls dentro de grandes portais e demais sites espalhados pela web. Quando estamos desenvolvendo algum projeto web pensamos em aprimorar a experiência do usuários com url amigáveis?
Para explicar sobre o que estou falando vou pegar como exemplo dois grandes portais de notícias da internet G1 e Band, cliquei em uma noticia sobre o MP e o goleiro Bruno. Veja os resultados.

G1 – http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/07/mp-denuncia-bruno-e-amigo-por-sequestro-e-lesao-corporal.html

Band – http://www.band.com.br/esporte/gente/conteudo.asp?ID=100000321312

Voltando a pensar no usuário,que após algum tempo ele irá procurar esta notícia no histórico do seu navegador, podemos deduzir até com certa facilidade qual url ele irá acessar novamente. A ideia e bastante simples, urls complexas e igual a perca de negócios.
Além disto, outros problemas são gerados como:

  • Expor a tecnologia utilizada para desenvolver o site ou portal;
  • Mecanismos de busca podem ter problemas para indexar as paginas, por causa dos caracters “?” e “&”

Porque não deixar suas urls mais amigáveis, com apenas algumas configurações em seu sistema ou em seu servidor HTTP, elas se tornaram mais atraentes, citei abaixo alguns links de como fazer isto. Caso tenha alguma dúvida, basta perguntar.

http://brunotorres.net/urls
http://brunotorres.net/urls-again
http://www.tuckey.org/urlrewrite/
http://urlrewriter.net/index.php/support

abs,
Raphael Adrien

Anúncios

2 Responses to “Os detalhes fazem a diferença”


  1. 1 Ingrid julho 9, 2010 às 1:34 am

    Realmente, detalhes como esse as vezes sao esquecidos pelos profissionais de TI, e principalmente para o usuario que tem dificuldade, pode falacitiar muito!

  2. 2 Lucas Pereira Caixeta julho 9, 2010 às 5:15 pm

    Muito boa a matéria.
    Realmente, isso faz a diferença… até mesmo quando enviamos o link a alguém…

    No formato desse do G1, ao mandar, só de olhar o link a pessoa ja vai sacar do que se trata.

    Li tudo, no fim ia ja parguntar como fazia isso… ai vi que vc mostrou a mina de ouro.

    Vou ver isso! =)

    Estarei acompanhando o blog, até mais Rapha!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Read my mind


%d blogueiros gostam disto: